Educação Previdenciária de Qualidade

Tabela de Pagamento Benefícios INSS 2019

Veja o dia dos Pagamentos dos Benefícios do INSS para 2019

A Tabela de Pagamento INSS 2019 é sempre muito esperada por todos os aposentados e pensionistas do INSS.

Afinal, com esta tabela a pessoa poderá receber o valor do seu benefício no dia certo do pagamento, sem a necessidade de idas e vindas ao Banco.

Desta forma, podemos perceber a importância da Tabela de Pagamento do INSS.

Os  34 milhões de aposentados e pensionistas do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) já podem verificar a data de pagamento dos benefícios ao longo de todo o ano de 2019.

Tabela de Pagamento do INSS 2019: Confira o dia de receber

Disponibilizamos aqui a Tabela de Pagamento do INSS 2019, para que você só compareça ao Banco na Data correta para recebimento do seu benefício.

Veja a tabela de pagamento de benefícios 2019

 

O calendário de pagamentos do INSS com o cronograma para depósito dos valores dos benefícios em 2019 já está disponível. 

Os depósitos seguem a mesma sequência de anos anteriores. 

As pessoas que ganham até um salário mínimo vão receber seu benefício entre os cinco últimos dias úteis do mês da competência e os cinco primeiros dias úteis do mês seguinte.

Já quem recebe acima de um salário mínimo vai ter o pagamento depositado nos cinco primeiros dias úteis do mês seguinte. Nos dois casos, o pagamento é feito de acordo com o número final do benefício, excluindo-se o dígito.

Veja também:

Aposentado tem direito ao PIS?

Automóvel com desconto para Aposentados

Aposentado tem direito ao Kit Digital gratuito?

Tabela de Contribuição INSS 2019

A tabela de Contribuição ao INSS 2019 é importante para nortear aquelas pessoas que pagam o INSS através do Carnê da Previdência.

Assim, seguindo os dados desta tabela, a pessoa poderá contribuir no valor certo, evitando erro e dores de cabeça na hora da Aposentadoria.

Tabela para Empregado, Empregado Doméstico e Trabalhador Avulso 2019
Salário de Contribuição (R$)Alíquota
Até R$ 1.693,728%
De R$ 1.693,73 a R$ 2.822,909%
De R$ 2.822,91 até R$ 5.645,8011%

 

Tabela para Contribuinte Individual e Facultativo 2019
Salário de Contribuição (R$)AlíquotaValor
R$ 998,005% (não dá direito a Aposentadoria por Tempo de Contribuição e Certidão de Tempo de Contribuição)*R$ 49,90
R$ 998,0011% (não dá direito a Aposentadoria por Tempo de Contribuição e Certidão de Tempo de Contribuição)**109,78
R$ 998,00 até R$ 5.839,4520%Entre R$ 199,60 (salário mínimo) e R$ 1.167,89(teto)

É impornte você saber que o pagamento no valor de 11% do salário mínimo tem algumas regras. Para ficar bem informado sobre essa forma de contribuição, veja o nosso artigo: Plano Simplificado INSS.

Como Fazer a Comprovação de Vida

Para efeito de manutenção de pagamento dos benefícios, deverá ser realizada anualmente pelos recebedores de benefícios do INSS junto a rede bancária, a comprovação de vida dos beneficiários.

A comprovação de vida e renovação de senha, preferencialmente, deverão ser efetuadas pelo titular do beneficio, mediante identificação por funcionário da instituição financeira de pagamento ou por sistema biométrico em equipamento de autoatendimento que disponha dessa tecnologia.

Na impossibilidade do comparecimento do titular, poderá ser realizado pelo representante legal ou pelo procurador do beneficiário devidamente cadastrado no INSS.

Comprovação de Vida para quem mora no Exterior

O atestado de vida, documento hábil utilizado para garantir a manutenção dos benefícios previdenciários, poderá ser emitido por representações consulares brasileiras no exterior, em formulário próprio ou organismo de ligação do país acordante.

O atestado de vida tem prazo de validade de noventa dias a partir da data de sua legalização pelas representações consulares brasileira no exterior.A legalização do atestado de vida pelas representações consulares brasileiras no exterior é obrigatória, exceto para os seguintes países:

França, que será dispensada a legalização ou qualquer formalidade análoga, conforme o disposto no art. 23 do Decreto nº 3.598, de 12 de setembro de 2000; e

II – Argentina, que será legalizada apenas pelo respectivo Ministério das Relações Exteriores, não havendo necessidade de ser submetida à legalização consular, conforme Acordo sobre Simplificação de Legalizações em Documentos Públicos, publicado no DOU nº 77, de 23 de abril de 2004.

Os notários locais no exterior poderão, por meio do formulário próprio, reconhecer a firma do beneficiário de forma presencial, entretanto este procedimento, observadas as exceções previstas acima, não dispensa a legalização pelas representações consulares brasileiras.

Após o reconhecimento da firma pelo notário, o envio do formulário, pelo beneficiário, às representações consulares brasileiras para legalização, poderá ser via correio.

A legalização do atestado de vida pela representação consular brasileira no exterior deverá ocorrer dentro de trinta dias da data do reconhecimento da firma pelo notário local.

O beneficiário residente no exterior deverá nomear um procurador, caso opte por continuar a receber os seus pagamentos no Brasil ou caso o novo país de residência não tenha acordo internacional de envio de créditos com a Previdência do Brasil. Para saber mais sobre como Cadastrar uma procuração no INSS, clique nesse link.

INFORMAÇÕES IMPORTANTES:

Atenção: esse Blog não é oficial e não possui nenhum tipo de vínculo com o INSS e nem com qualquer outra Instituição Pública e nem privada.

Os artigos aqui publicados são meramente para fins de informação e de entretenimento.

Para orientações sobre casos concretos, procure uma agência do INSS.

Aqui divulgamos a tabela de pagamento INSS 2019 disponibilizada no Site da Previdência Social.

Em caso de dúvida, ligue para a central de atendimento do INSS pelo telefone 135. O serviço está disponível de segunda a sábado das 7h às 22h (horário de Brasília). O atendimento da Previdência Social é simples e gratuito e dispensa intermediários.

Recebimento do Pagamento Através de Procuração

Caso o titular do benefício esteja impossibilitado de se dirigir à uma agência, deverá ser cadastra uma procuração para o recebimento. Para saber mais sobre a procuração, clique aqui.

 

você pode gostar também
10 Comentários
  1. Roseane Diz

    Olá meu nome é Roseane eu queria saber se eu tinha direito ao salário materno trabalhou como agricultora tenho papel registrado no cartório da documentação das terra fiz o salário Materno em 2015 e recebi do meu filho e desde aí eu perdi a carteirinha do sindicato não fez outra mas tenho toda a documentação eu queria saber agora eu tive outra filha estou em outra cidade mas queria saber se eu dando entrada aqui se os documentos de lá da minha cidade serve para essa outra cidade

  2. wilson dos Santos Silva Diz

    Todos que recebe aposentadoria acima de um salario mínimo vai ter o aumento de 3.43% ?

    1. benjamin Diz

      Wilson,
      Sim,todos!

  3. Anônimo Diz

    Pagamento do dia 1março que não saiu.saira que dia?

    1. Isabela Santos Diz
    2. Anônimo Diz

      Bom dia, minha mãe recebe no quarto dia útil eu fui olhar num aplicativo e não consta o pagamento isso se deve pelo o dia 4 que foi um dia útil., e não abriu as agências?.ou já está no

      1. Isabela Santos Diz

        Ligue no 135 para saber.

  4. Anônimo Diz

    Sempre recebi no terceiro dia útil mais meu pagamento ainda não caiu porque será

    1. Isabela Santos Diz

      Veja aqui maiores informações sobre o atraso de pagamento após o carnaval:
      https://previdenciasimples.com/atraso-em-pagamento-de-beneficios-devido-ao-carnaval/

  5. Anônimo Diz

    Alguém recebeu o benefício?

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.

Este site usa cookies para garantir que você obtenha a melhor experiência de navegação. AceitarMais Informações