Como Consultar a Carteira de Trabalho pelo CPF?

Veja como obter o número da sua CTPS consultando pelo seu CPF

1

Como Consultar Carteira de Trabalho pelo CPF?

A carteira de trabalho é um documento muito importante na vida do trabalhador, já que é nela que estão registrados todos os trabalhos, afastamentos, férias e outras informações referentes às relações trabalhistas.

Mesmo assim é comum que ela seja perdida ou danificada com o passar dos anos, seja pelo manuseio, ou acidentes, e até mesmo por empresas que pedem o documento para o registro e nunca o devolvem.

A carteira de trabalho é indispensável para requerer alguns benefícios no INSS. Hoje vamos te mostrar como consultar carteira de trabalho pelo CPF e evitar transtornos futuros.

Como fazer a consulta da CPTS pelo CPF. Foto: Tony Winston/Agência Brasília

Consultar carteira de trabalho pelo CPF

Caso tenha perdido ou danificado sua carteira de trabalho, é possível consultar as informações dela pela internet.

Para consultar sua carteira, você vai precisar do nome do filiado (o nome cadastrado no sistema do INSS), nome da mãe, CPF, data de nascimento e número do NIT / PIS/PASEP.

Caso você não saiba o número do seu NIT,  veja como consultar.  Ou siga os passos abaixo (se você tem o número do NIS, pule para o passo 6):

  1. Acesse o site: https://bit.ly/2q8e3GP
  2. Clique na opção Cidadão;
  3. Clique em Inscrição, depois em Filiado;
  4. Na tela que surge, insira os dados solicitados;
  5. Insira a imagem de texto e clique em continuar.

O número do seu NIS irá aparecer. Anote esse número, que será usado no próximo passo.

  1. Acesse o site: https://bit.ly/1yBfBqd
  2. Insira o número do seu NIS;
  3. Coloque sua senha da internet (caso não tenha senha, clique no botão cadastrar senha e siga os passos informados);
  4. Acesse a opção Extrato Completo do FGTS.

Na opção extrato do FGTS será possível consultar o número da sua carteira de trabalho, além de dos vínculos empregatícios que já foram registrados na carteira.

Como tirar a segunda via da carteira de trabalho?

Caso você tenha perdido sua carteira, tenha sido roubado ou ainda sua carteira esteja em um estado de conservação ruim, você pode pedir a segunda via nos mesmos locais onde é feita a primeira via.

Para tirar sua segunda via, você precisa dos mesmos documentos que para a primeira via:

  • Documento de identidade com foto (RG);
  • Comprovante de residência;
  • Comprovante de estado civil (certidão de nascimento ou casamento);
  • Se o posto não contar com serviço de fotografia na hora, uma foto 3×4 de fundo branco.

Além destes, é preciso levar o número da carteira, que você pode encontrar seguindo os passos acima.

Também é necessário levar o Extrato do PIS/PASEP, que está no mesmo site da Caixa, se você tinha registros na carteira. Caso você tenha sido roubado, é preciso levar o boletim de ocorrência.

Caso você queria emitir uma Carteira de trabalho digital, é só clicar no Link azul e seguir os passos.

Quanto tempo demora para emitir a segunda via da carteira de trabalho?

O tempo para emissão da segunda via da carteira de trabalho é o mesmo que o da primeira via. Em alguns lugares a emissão é na hora, ou pode demorar até 2 dias, dependendo de onde será feita a emissão.

Se os documentos de comprovação dos vínculos empregatícios forem levados, as informações dos registros anteriores poderão ser repassadas para a carteira nova.

Agora que você conhece todos os detalhes para consultar carteira de trabalho pelo CPF, poderá verificar suas informações tranquilamente.

Lembre-se, tente fazer o máximo de processos que puder pela internet e evite filas e perda de tempo desnecessária.

Mantenha sua carteira de trabalho sempre atualizada e em bom estado, para que, se houver necessidade de pedir um benefício, você não encontre empecilhos.

Carteira de Trabalho: o que é e para que serve?

A Carteira de Trabalho e Previdência Social (CTPS) é o documento obrigatório para toda pessoa que preste algum serviço, seja na indústria, no comércio, na agricultura, na pecuária ou como empregada doméstica.

As primeiras carteiras de trabalho datam de 1904 a 1906. O modelo atual é sistematizado e integrado nacionalmente, feito em papel de segurança, para manter a integridade.

É um documento que mostra todo o histórico de trabalho, e por isso garante acesso a benefícios como seguro-desemprego, benefícios previdenciários e FGTS.

O Governo Brasileiro deseja fazer algumas mudanças neste documento com a criação da Carteira Verde e Amarela, com o objetivo de flexibilizar as relações trabalhistas e diminuir o desemprego. Veja aqui essa novidade.

Consultar o número da CTPS pelo CPF é algo relativamente simples!

Como tirar a carteira de trabalho?

Para tirar a sua carteira de trabalho, você deverá comparecer em um dos pontos autorizados pelo Ministério do Trabalho e Emprego.

A emissão pode ser feita nas Superintendências Regionais do Trabalho e Emprego (SRTE), Gerências Regionais do Trabalho e Emprego (GRTE) e Agências Regionais, nas Agências do Sistema Nacional do Emprego (Sine) e nas Unidades Moveis do Trabalhador.

Além disso, alguns postos conveniados do MTE como o Poupa-Tempo em São Paulo também podem fazer a emissão.

Você pode consultar todos os postos de atendimento do MTE clicando aqui.

Para agendar a emissão da CTPS no Rio de Janeiro, clique no link.

Documentos para emitir a carteira de trabalho

Normalmente, os documentos exigidos para a carteira de trabalho são:

  • Documento de identidade com foto (RG);
  • Comprovante de residência;
  • Comprovante de estado civil (certidão de nascimento ou casamento);
  • Se o posto não contar com serviço de fotografia na hora, uma foto 3×4 de fundo branco.

O que deve ser registrado na carteira de trabalho?

Todos os fatos da vida funcional do trabalhador devem ser anotados na carteira de trabalho:

  • Data de admissão;
  • Cargo;
  • Salário-base;
  • Férias;
  • Licenças-médicas;
  • Contribuições sindicais;
  • Data de desligamento, entre outras.

O que não pode ser registrado na carteira de trabalho?

A legislação proíbe que sejam anotadas na carteira de trabalho quaisquer informações que possam desmoralizar a conduta do trabalhador, e atrapalhar sua recolocação no mercado.

Algumas das informações que não podem ser inclusas na carteira de trabalho são:

Agendamento para tirar a CTPS

Nas grandes cidades brasileiras onde existem postos do MTE, não só é possível como é obrigatório o agendamento para tirar a carteira de trabalho.

Já nos municípios menores, que não dispõe de postos do MTE, o agendamento normalmente é disponsável e a emissão do documento se dá por ordem de chegada.

Se você mora em alguma das capitais ou nos grandes centros, é interessante fazer o agendamento antes de comparecer ao MTE e solicitar a sua Carteira de Trabalho. Aqui no site nós preparamos um passo a passo ensinando como fazer o agendamento para tirar a CTPS, clique no link e veja como.

Se você têm dúvidas sobre o agendamento em sua cidade, se ele é ou não obrigatório, poderá ligar no telefone 158 e tirar todas as suas dúvidas sobre essa questão.

 

1 comentário
  1. Carloneide Diz

    Nao encontrei o numero da minha carteira nem a recita federal

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.

Este site usa cookies para garantir que você obtenha a melhor experiência de navegação. AceitarMais Informações